Traído pelo próprio partido Maia paga o preço da covardia

Traído pelo próprio partido (DEM), Rodrigo Maia deixa a presidência da Câmara humilhado após a mais longa permanência na direção da Casa. Como um dos arquitetos do golpe parlamentar que derrubou Dilma Rousseff, Maia sucedeu Eduardo Cunha (2015-2016) na presidência da Câmara.​ Derrubou a partilha do pre-sal aprovada ainda no governo Lula e livrou a cabeça de Michel Temer durante o escândalo da JBS, em 2017 e garantia a sua permanência no cargo (2016-2018).

Desde que Bolsonaro assumiu a presidência da república, Maia, não o incomodou, favorece a agenda neoliberal que agradou o mercado financeiro e engavetou os 59 pedidos de afastamento de Bolsonaro, além de passar o pano nos seus crimes de responsabilidade. O Congresso foi atacado e bolsonaristas fantasiados de “Ku Klux Klan” com fogos de artifícios nas mãos ameaçaram o Supremo.

O próprio presidente da república insuflou manifestação golpista em frente ao QG do Exército, mas Maia não teve coragem de se opor, como ‘defensor da democracia. Se limitou em divulgar uma nota, na qual dizia que não via ameaça de ruptura institucional ou aventuras antidemocráticas. Contudo, mudou o tom somente no final do mandato com a iminente derrota do seu candidato a sucessão

Agora,  fala que houve e há risco de retrocesso democrático no país. Humilhando e chamado de vagabundo por seus ex-aliados, Maia paga o preço por não fazer o que deveria ter feito e sair de cabeça erguida; sai pelas portas dos fundos.

Não adiantou ameaçar, o pitbull de Silas vai continuar engaiolado

O durão Daniel Silveira amoleceu e posou de Maria arrependida, mas já era tarde para o leite derramado. 364 deputados votaram pela manutenção da prisão determinada pelo Superior Tribunal Federal.…

Daniel Silveira terá milicianos e assassinos como colegas de prisão

Preso por incitar violência contra ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), Daniel Silveira se encontra na Superintendência da PF no Rio e será levado para o Batalhão Especial Prisional da PM …

Cassar pela democracia e respeito as instituições

Daniel Silveira, é amigo de milicianos bolosonaristas e um mau exemplo em tudo. Como policial, acumula punições e como deputado tem um histórico de atitudes antidemocráticas, além defender o uso…

Desacreditado o ex-juiz tenta se justificar em artigo na Crusoé

Sem poderes e desacreditado no mundo inteiro, o ex-juiz tenta se justifica em artigo na Crusoé. Ele está assombrado com a possibilidade da anulação da sentença que pode devolver os direitos polí…

O PT busca acordos ’estratégicos’ kim kataguiri faz a diferença

kim kataguiri protagonizou o movimento que queria um país livre da esquerda, mas foi um dos grandes responsáveis pela chegada da estrema-direita ao poder. No entanto, um ano após a eleição de Jai…

Traído pelo próprio partido Maia paga o preço da covardia

Traído pelo próprio partido (DEM), Rodrigo Maia deixa a presidência da Câmara humilhado após a mais longa permanência na direção da Casa. Como um dos arquitetos do golpe parlamentar que derrub…

Apoie com o valor que desejar através do Pix: contato@jornalismo.online
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Marcações: